O CEAGRO acredita que a construção da Agroecologia é elemento fundamental para o Desenvolvimento Rural Sustentável (DRS).

A Agroecologia vem se consolidando cada vez mais como uma proposta estratégica para os(as) camponeses(as) e para os movimentos sociais do campo. Esta proposta parte de uma necessidade de produzir alimentos saudáveis de forma articulada com a preservação da biodiversidade e dos recursos naturais, valorizando a cultura local e buscando o envolvimento ativo dos(as) camponeses(as) e suas organizações.

Por isso, desde seu surgimento, o CEAGRO vem fortalecendo processos de ensino e aprendizagem com o tema, mas é a partir dos inicio da primeira década do século XX, que intensificam os trabalhos com grupos de base, compostos de famílias vinculadas aos assentamentos e acampamentos do Território da Cidadania Cantuquiriguaçu.

Neste contexto, o CEAGRO apoiado pela Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS) Campus Laranjeiras do Sul, os Coletivos Regionais de Gênero e Juventude, o MST e o MPA, criam no ano de 2010 o Núcleo Luta Camponesa da Rede Ecovida.

Dentre as ações promovidas pelo CEAGRO a partir do eixo Agroecologia, destacam-se:

  • Construção de Grupos de Referência em Agroecologia;
  • Assessoria técnica especializada nos temas Pastoreio Racional Voasin (PRV), Homeopatia Animal, Sistemas Agroflorestais (SAF), Grãos Agroecológicos, adequação legal dos espaços de processamento e comercialização baseada nos princípios da Economia Solidária;
  • Resgate e promoção dos mutirões como procedimento metodológico;
  • Realização de Intercâmbios em outras experiências agroecológicas;
  • Apoio ao Sistema Participativo de Garantia (SPG) da conformidade orgânica da Rede Ecovida de Agroecologia.

Para mais informações:

E-mail agroecologia@ceagro.org